Corinthians 0 x 0 Santos

E o primeiro jogo no Pacaembu acabou em um justo 0 a 0.



No primeiro tempo, o Corinthians atacou e manteve a posse de bola, com o Santos saindo nos contra-ataques.

No segundo tempo, o Santos cresceu no jogo, chegou a ter mais posse de bola em alguns momentos, e colocou uma bola na trave com Elano. Mas o Corinthians também teve sua oportunidade e devolveu a bola na trave com Liédson.

O Santos jogou em um 4-3-1-2, com Rafael, Edu Dracena, Durval, Jonathan, Alex Sandro, Adriano, Danilo, Elano, Paulo Henrique Ganso, Neymar e Zé Eduardo.

Rafael foi novamente um goleiro seguro, provando que merece o posto de camisa 1 do Santos. Não soltou uma bola, não deu rebote em bolas fortes e difíceis. Melhor do jogo na minha opinião.

Edu Dracena e Durval jogaram bem hoje, foram bem na marcação e não comprometeram. Mas segue sendo uma zaga lenta, o que torna difícil para eles acompanharem atacantes rápidos.

Jonathan marcou bem e subiu pouco, conforme instruções do professor Muricy.

Alex Sandro jogou muito bem, foi muito eficiente na marcação. Lembrou o Alex Sandro do ano passado. Mostra que é o substituto natural do Léo assim que este se aposentar.

Adriano foi um leão na marcação. Grudou no Liédson e não saiu mais. Lembro de uma jogada em que ele, marcando, deu um carrinho e caiu, mas levantou e deu outro carrinho para afastar a bola. No entanto, ainda tem limitações técnicas quanto aos passes. Pena que tomou um cartão e ficará fora do próximo jogo da final. No lugar dele deve entrar Rodrigo Possebon. Fará falta.

Danilo hoje não foi bem. Correu muito, tentou fazer a transição entre meio de campo e ataque. Mas marcou mal, com muita correria e pouca eficiência.

O Elano costuma aparecer em decisões, mas hoje se escondeu. Está virando o Marcos Assunção do Santos, sendo eficiente apenas na batida de faltas.

Paulo Henrique Ganso. Ah o P.H. Ganso... o que dizer dele... quem vê os discursos desse jogador antes das partidas, dizendo que é o camisa 10 e que por isso chama a responsabilidade do jogo, não acredita quando vê o jogador no campo. Extremamente lento, parece sem vontade de jogar. Acertou pouquíssimos passes, mal pegou na bola, não saiu da marcação para receber, se escondeu no jogo (mais uma vez) e deu um chute a gol com perigo. Não merece mais o título de "melhor jogador do Brasil". Infelizmente. (aposto com vocês que o Ganso não será convocado para jogar a Copa América, e o Mano dará a desculpa de que o jogador acabou de voltar de lesão, além disso, ninguém pagaria mais que 5 milhões de euros, hoje, por esse jogador.

Neymar é um monstro, e o melhor, é um monstro regularmente. Extremamente rápido, deu um baile no zagueiro-lateral improvisado Wallace. Nas poucas oportunidades que teve, meteu uma bola na trave, cruzou (ainda que sem mira), driblou, correu muito e ajudou na marcação. Melhor jogador no Brasil em atividade, na minha opinião.

O Zé Eduardo está lembrando o Marcel do ano passado. Forte, trombador, lento, displicente, sem mira para passes e para chutes. Cadê aquele Zé Eduardo rápido, goleador, do final do ano passado e do começo desse ano? Desde que ele foi vendido não é mais o mesmo.

Notas:

Rafael: 9
Edu Dracena: 7
Durval: 7,5
Jonathan: 6,5
Alex Sandro: 7
Adriano: 7,5
Danilo: 6
Elano: 5,5
P.H. Ganso: 4
Neymar: 8
Zé Eduardo: 5


Alan Patrick: 6
Pará: sem nota
Keirrison: sem nota

No final do primeiro tempo, o Ganso sentiu a perna e saiu lesionado. O médico do clube, Rodrigo Zogaib, afirmou que seria necessária a realização de exames para apurar a gravidade da lesão. Mas provavelmente o jogador não viajará à Colômbia com o restante do elenco.

Se bem que... melhor eu ficar quieto...

4 comentários :

  1. O fato é que Alan Patrick, mesmo sem fazer uma maravilha de partida, mudou bem o jogo no segundo tempo.Preferível ele, inteiro, do que Ganso, só com a retórica, é em Manizales.

    ResponderExcluir
  2. Concordo, jogar com o Ganso tem sido quase como jogar com um a menos...

    ResponderExcluir
  3. tem dois jogadores que não estão jogando nada.

    Ganso e Zé love

    Ganso... tartaruga... lento e ainda fica perdendo bolas fáceis...

    Zé love... nunca mais fez gol e quando pega na bola já quer chutar no desespero, por favor coloquem qualquer outro no lugar dele.

    ResponderExcluir