Uma nova batalha

Nesta quarta tem Santos e Once Caldas, as 22h no Pacaembu, valendo vaga para a semifinal da Libertadores.












Animado com o título paulista em cima do maior rival, o Santos vai com tudo para cima do Once Caldas.

Como eu citei no último post, Adriano estava jogando muito melhor que Danilo, pois marcava melhor, liberando Arouca e Elano para saírem para o jogo, enquanto este não vinha fazendo bons jogos, falhando muito defensivamente.

O Muricy também percebeu isso, e já disse em entrevista que "não mexerá no meio de campo santista". 

Como Jonathan está machucado e ficará parado por 10 dias, é provável que Danilo seja escalado na lateral direita.

Em último caso, ainda temos o guerreiro Pará.

O Santos, com essas alterações, deve iniciar com: Rafael, Edu Dracena, Durval, Danilo, Léo, Adriano, Arouca, Elano, Alan Patrick, Neymar e Zé Eduardo.

O Once Caldas, para quem não sabe, está bem ligado na equipe do Santos e vem para ganhar.

O técnico do Once Caldas demonstrou ontem, em entrevista que conhece bem a equipe do Santos, jogador por jogador, suas individualidades, qualidades e defeitos.

Talvez ele somente se Adriano for escalado para jogar ao invés de Danilo.

A equipe do Once Caldas é extremamente perigosa fora de casa, pois nessa Libertadores ainda não perdeu jogando longe de seus domínios, somando 2 vitórias e 2 empates (1 x 1, 2 x 2, 2 x 0 e 2 x 0).

O fator que definirá o resultado do jogo de amanhã não será a técnica, nem a tática, tampouco a força física, mas sim a postura com que os jogadores do Santos entrarem em campo.

Se menosprezarem o adversário, como fez o Cruzeiro, perderão.

Se respeitarem o adversário, sem pensar que "o jogo está ganho" ou que "será fácil", o Santos vencerá.

Com o técnico Muricy no comando, aposto em uma vitória do Santos, com o apoio de mais de 35 mil torcedores.

Quem votou na enquete apostou em uma vitória do Santos, e só 1 pessoa apostou no empate.

Agora resta torcer e esperar para ver.