Conhecendo o adversário: Flamengo

Santos e Flamengo se enfrentam amanhã na Vila Belmiro, e nosso adversário merece uma rápida análise.

Duelo de treinadores

O encontro marca o encontro de dois grandes treinadores do futebol brasileiro: Muricy Ramalho e Vanderlei Luxemburgo.

Luxemburgo contabiliza 5 Campeonatos Brasileiros, em 1993 e 1994 com o Palmeiras, 1998 com o Corinthians, 2003 com o Cruzeiro e 2004 com o Santos.

Muricy tem 4 Brasileiros no currículo. E são títulos mais recentes. Em 2006, 2007 e 2008 com o São Paulo e 2010 com o Fluminense.

Luxemburgo gosta de esquemas ofensivos.

Muricy, por outro lado, preza pelo futebol defensivo, de muita marcação e apostando nos contra-ataques.

Curiosamente, no ano passado, o Fluminense de Muricy derrotou o Atlético-MG de Luxemburgo nos 2 encontros que tiveram pelo Brasileiro.

Em Maio, no Mineirão, 3 x 1 para o Fluminense.

Em Setembro, no Engenhão, 5 x 1 Fluminense.

Outro dado interessante: essa última vitória culminou na demissão de Vanderlei Luxemburgo, que vivia provavelmente o pior momento de sua carreira.

Em 2011, Luxemburgo deu a volta por cima.

Campeão invicto do carioca, com 18 vitórias e 4 empates, o Flamengo e o treinador deram a volta por cima.

Trouxeram Ronaldinho Gaúcho (que pouco produz) e Thiago Neves (que joga muito), além de muita ambição.


Campeonato Brasileiro

No Brasileiro de 2011, o Flamengo ocupa o 3º lugar, com 19 gols marcados e 9 sofridos.

Ostenta a posição de única equipe invicta no Campeonato (5 vitórias e 6 empates), além de possuir o 2º melhor ataque da competição (19 gols em 11 jogos), ao lado de Corinthians, e atrás apenas do Internacional (20 gols).

Na última rodada, após Thiago Neves desdenhar o adversário que eliminou o Flamengo da Copa do Brasil, sofreram em casa um empate de 1 x 1 e ouviram vaias da torcida.

O time carioca atuará amanhã com seu time completo, podendo apenas o jogador Airton ser vetado, em razão de punição do STJD.

O Flamengo tem uma boa equipe e um bom técnico (quando ele não se envolve em assuntos internos do clube, motivo por que não o teria em minha equipe..).

Eles tem Felipe, Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho.

Mas o Santos tem Rafael, Léo, Arouca, Ganso e Neymar.

Na tabela, os números não refletem a realidade santista: 8 jogos, 3 vitórias, 2 empates e 3 derrotas, com 9 gols marcados e 10 sofridos.

E todos sabemos o motivo de tais resultados: as malditas convocações.

Mas dessa vez o time está praticamente completo (falta apenas Danilo, servindo à Seleção sub-20 para a disputa do Mundial).

No lugar de Danilo, joga Pará.

E o meio será formado por Arouca, Ibson, Elano e P.H. Ganso.

Confesso que não imaginava Ibson como um segundo volante, mas vamos aguardar.

Foi também anunciado que todos os ingressos foram vendidos, portanto teremos casa cheia.

E eu estarei lá, na arquibancada inferior, apoiando Rafael ou pressionando Felipe.

Pra cima deles Santos!

PS: Agradeço hoje o senhor, de cujo nome desconheço, que me deu R$ 2,00 para complementar os meus R$ 13,00 para comprar o ingresso para a partida de amanhã!

2 comentários :

  1. Xará, não vi o treino. Sei que ele treinou de segundo volante e, pelas informações, foi bem.

    ResponderExcluir