Pré-jogo: Santos e Internacional

O alvinegro e o time gaúcho duelam nesta quarta-feira, as 21h40min, no Beira Rio, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.


O Santos está em 14º lugar, com seis vitórias, quatro empates e oito derrotas, com 23 gols marcados e 28 sofridos, e vem de uma boa sequência de duas vitórias (2 x 1 contra o Bahia e 2 x 1 contra o Fluminense) e um empate (1 x 1 contra o São Paulo)

Por outro lado, o Internacional ocupa a 8ª colocação, com sete vitórias, seis empates e seis derrotas, somando 28 gols marcados e 24 sofridos, vindo de uma derrota para o Grêmio, no Olímpico (2 x 1), e da conquista da Recopa Sul Americana.

O jogo

O Santos conta com dois desfalques (Arouca e Elano), e sete jogadores pendurados com o segundo cartão amarelo (Durval, Pará, Danilo, Adriano, Arouca, Henrique e Neymar).

Arouca e Elano seguem no departamento médico, mas a previsão de retorno é para o próximo jogo, no dia 7 de Setembro, contra o Avaí, em Florianópolis.

A escalação e formação tática que deve iniciar a partida deve ser a mesma que começou o último jogo contra o São Paulo, em um 4-3-1-2:






















Por um lado, poderíamos aproveitar o mau momento vivido pelo Internacional, após a derrota no clássico, e vencê-los em pleno Beira Rio.

Por outro lado, devemos considerar de que a equipe vermelha tem um dos melhores elencos do Campeonato Brasileiro e que um empate seria bom resultado.

Eu ficaria feliz até com um empate, desde que o desempenho do Santos fosse satisfatório, com os atletas se doando em campo.

Empate ou Vitória? Descobriremos logo mais...


Bastidores de Santos 2 x 1 Fluminense



Bastidores de Santos 1 x 1 São Paulo

3 comentários :

  1. reinaldo fernandes31 de agosto de 2011 22:53

    Neste momento passado 45 minutos estamos perdendo de 2 x 0. Eu diria que realmente o empate neste momento seria uma grande vitoria mais vai ser dificil se o Ganso continuar andando em campo, fazendo o papel de embaixador do time, ou seja, dando tapinha em um, cumprimentando outro, se desculpando com outro, ou seja, parece um politico jogando bola e só para não perder o costume, armando sempre as jogadas para trás. Assim fica dificil. Além do que o Santos está com um nível de passe errado muito grande e ainda fica tentando dar passes de calcanhar, se nem de chapa e do lado do outro estão conseguindo acertar. Não dá para aguentar então o negócio é escrever. Mais uma vez o Danilo vêm se constituindo o melhor em campo, bem acima dos demais, pela qualidade, pela garra e pelo seu esforço e dedicação.
    Só vejo uma opção para melhorar neste momento, sacar o Ganso e Pará e colocar Felipe Anderson e Christian. Aguenta coração.

    ResponderExcluir
  2. Reinaldo Fernandes1 de setembro de 2011 00:05

    ....SEGUNDO TEMPO TERMINADO E O MILAGRE ACONTECEU.
    Realmente a jornada do Santos no segundo tempo foi marcado por um futebol um pouco mais confiante e pouquinho de sorte no terceiro gol do Santos quando o zagueiro deu uma furada.
    Nunca vi o Neymar, apesar do seu costumeiro esforço e dedicação, numa jornada tão infeliz. Errou a maioria dos passes e muitas vezes quando armou sua jogada, sempre adiantava um pouco a bola ou não dominava direito, mas ele têm créditos para queimar. Será que o nosso amuleto vai ser o Alan Kardec.
    Hoje gostei um pouco mais do futebol do Henrique e o Ganso jogou de forma mais incisiva e criativa no segundo tempo.Borges, que determinação têm este jogador. Dracena, oh Dracena. Não sei se foi impressão minha mais o Adriano não gostou de ser substituido e quando estava saindo de campo fez um gesto negativo. Achei que foi ousadia do Muricy pois eu também não o tiraria pois estava jogando bem e com muita raça, mais tem hora que voê tem que ousar e o Santos marcou dois gols depois de sua saída; para mim coincidência. Vou dormir mais tranquilo agora, boa noite e valeu peixe. E pensar que poderiamos ter virado se não fosse a pior noitada de Neymar este ano.....

    ResponderExcluir
  3. Responderei seus comentários no post sobre o jogo! Abs

    ResponderExcluir