Rumo ao título?

Apesar de improvável, ainda há motivos para acreditar no título brasileiro de 2011.

Uma das principais razões, que destaco agora, é a tabela do campeonato ser favorável ao Santos nas últimas rodadas.

Vejamos.

Ainda restam 14 rodadas.

Serão 42 pontos em disputa, suficientes para levar o Santos ao topo.

Os próximos 4 jogos definirão o destino do Peixe na competição.

Só pedreiras.

Fluminense, Grêmio e Atlético Mineiro, fora de casa.

E Palmeiras, na Vila Belmiro, sem Neymar.

Daí em diante, a tabela mais favorável entre todos os competidores é do Santos.

11ª rodada: Grêmio, em casa.
21ª rodada: Botafogo, em casa.
31ª rodada: Flamengo, fora.
32ª rodada: Atlético-PR, em casa
33ª rodada: Vasco, em casa.
34ª rodada: Ceará, fora.
35ª rodada: Atlético-GO, em casa.
36ª rodada: Curitiba, fora.
37ª rodada: Bahia, em casa.
38ª rodada: São Paulo, fora.

Tirando o Flamengo e Coritiba fora de casa, estão aí 24 pontos que o Santos pode conquistar na reta final do Brasileiro, os quais podem levá-lo ao título.

Eu ainda acredito, ainda mais com Muricy Ramalho no comando.

Resta esperar e torcer.

Saudações santistas!

2 comentários :

  1. Eu também acredito, mas Muricy tem que voltar a escalar quem está bem (por ex. Adriano), o que não é o caso de Ibson, Pará (nunca está bem), Dracena e Durval e Henrique; e admitir quando erra e não pôr a culpa nos jogadores, resolva os problemas internamente. Agora ele "perdeu" Felipe Anderson para a seleção do Panamericano de Ney Franco.

    ResponderExcluir
  2. Paulo, até hoje não entendo a decisão de tirar Adriano logo após seu retorno de lesão... até posso imaginar na cabeça de Muricy: ele quer um time quer volantes que joguem bem com a bola nos pés, como Arouca, o que não é o caso de Adriano. Mas os testes com Henrique e Ibson nessa função estão decepcionando.

    Pelo menos Adriano marcava, e desarmava, muito bem!

    Sem Felipe Anderson, sem Elano e sem P.H. Ganso, o Santos fica sem nenhum meia ofensivo...

    Muricy será obrigado a retornar aos 3 atacantes...

    ResponderExcluir