Santos 6 x 1 Atlético/MG - meninos na final

Santos 6 x 1 Atlético/MG














Boas notícias vêm das categorias de base.

Na última quarta-feira, o time sub-20 do Santos derrotou o Atlético/MG por 6 x 1 na Vila Belmiro e garantiu vaga para a final da Copa do Brasil da categoria

Os meninos da Vila disputarão a grande final contra o Criciúma, nos dias 12 (na Vila Belmiro) e 20 de novembro, as 19h e 18h, respectivamente.

O placar foi, sim, elástico, mas o time coletivamente não demonstrou bom futebol.

Quando vencia por 2 x 1, placar que ainda não era suficiente para classificar o Peixe, o Atlético iniciou o segundo tempo avassalador, mas não conseguiu converter a superioridade em gols graças ao goleiro Gabriel Gasparotto, que salvou no mínimo 3 bolas difíceis cara-a-cara, a uma bola tirada pela zaga em cima da linha e à trave.

No entanto, as individualidades sobressaíram e decidiram.

Com isso, aproveito a ocasião para realizar a análise dos principais destaques da partida e da competição.

Gabriel Gasparotto
Goleiro alto, seguro e destemido, Gabriel surge como o próximo camisa 1 santista. Está hoje tecnicamente muito à frente de Vladimir (24 anos), apesar de ser mais novo (19 anos). Possui ainda como "defeitos de fábrica" a saída de gol em escanteios e cruzamentos e a reposição de bola, não por coincidência as mesmas falhas repetitivas do nosso bom e velho goleiro Rafael.

Jubal
Durante a Copa São Paulo de Futebol Júnior, formou excelente dupla de zaga com Gustavo Henrique. É um zagueiro alto, veloz, de bom cabeceio e boa técnica com a bola nos pés. Sabe sair jogando e não se desespera desferindo chutões. Logo mais, deverá retomar no time principal a dobradinha com Gustavo Henrique.

Emerson
Diversas vezes convocado pelas seleções de base, Emerson é um lateral esquerdo diferenciado: alto, forte, veloz e de boa técnica, destaca-se tanto na marcação quanto no apoio. Mas ainda precisa e terá bastante tempo para evoluir tecnicamente.

Zé Carlos
O lateral direito reserva barbarizou no jogo de ontem, e marcou um golaço de falta. Marcou e jogou demais, garantindo presença sempre nas jogadas de ataque.

Lucas Otávio
Volante baixinho, porém aguerrido, forte e tecnicamente diferenciado. Ontem marcou um belo gol de cobertura, ao notar o goleiro adiantado. Tem técnica apurada e é um dos grandes destaques do time sub-20. Não é um "Adriano", nem tem as características de "Alison". Trata-se de um volante mais técnico e menos marcador. Tem ótima perspectiva para o futuro.

Pedro Castro
As vezes some, as vezes aparece. Pedro Castro é um meia-armador de boa técnica, porém irregular.

Diego Cardoso
Destaque absoluto do atual time sub-20, Diego Cardoso é o artilheiro da Copa do Brasil sub-20, e tem anotado em todas as últimas partidas da equipe. Nas últimas 8 partidas, marcou nada menos que 8 gols. É um jovem jogador constantemente chamado pelas seleções de base, e tem grande futuro no clube. Jogador baixinho, veloz, de excelente colocação da área e chute preciso. Vai dar o que falar.

Stefano Yuri
Companheiro de Diego Cardoso, apesar de não acompanhar a mesma técnica de Diego, Stefano também se destaca nas partidas, sempre com grande presença ofensiva. Destaca-se pela força física e disposição em campo, jogo coletivo e colocação na área.