A chave para a vitória

Ituano 0 x 1 Santos - 2014


A pergunta que não quer calar.

Como marcar gols em uma equipe que em 18 jogos sofreu apenas 10 tentos?

Como furar a aparente impenetrável barreira do Once Caldas paulista?

Como fazer prevalecer os 47 gols marcados pelo Peixe em 18 jogos?

A resposta existe.

E está no Muricybol...

Por mais irônico que possa parecer, a maior parte dos gols levados pelo Ituano neste Campeonato Paulista saíram de bolas paradas.

6 dos 10 gols levados pela equipe do interior saíram em cobranças de pênalti (3), falta (2) ou escanteio (1).

Na primeira fase da competição, foi justamente dessa maneira que o Peixe venceu o time de Itu, com Cícero cobrando uma falta por baixo da barreira, ao apagar das luzes.

Por ironia do destino, logo Cícero perderia o pênalti que empataria o jogo da final a favor do Santos.

Em 2014, o Ituano sofreu 2 gols em apenas duas partidas: contra o Paulista (quando venceu por 3 x 2) e contra o Comercial - time rebaixado (quando perdeu por 2 x 0).

Mas o Santos, com toda sua camisa, história e tradição, com a média de 2,6 gols por jogo, é o único time capaz de furar essa barreira!

As bolas paradas, portanto, são a chave da vitória santista neste domingo!

Estarei no Pacaembu para acompanhar!

Eu acredito!

Para deleite do santista, seguem abaixo os melhores momentos da vitória do Santos sobre o Ituano na primeira fase, e a vitória do Comercial sobre o Ituano por 2 x 0: