Morre Paulo Roberto, o som da Vila Belmiro

Morre o voz da Vila Belmiro Paulo Roberto


A bruxa está solta no mundo do futebol.

Se no último sábado lamentamos a morte do ex-atacante colorado Fernandão, de apenas 36 anos, hoje o universo alvinegro praiano lamenta a morte de Paulo Roberto Gonçalves, 52 anos, o responsável pelo sistema de som do estádio santista há mais de 20 anos.

Ontem, para infelicidade geral, envolveu-se em um acidente na rodovia Padre Manoel da Nóbrega, em Cubatão, e acabou falecendo.

Paulo não era apenas um mero administrador do som.

Era, sim, um ícone para todo torcedor santista que um dia frequentou a Vila Belmiro.

Seja pela introdução dos jogos, a escolha do repertório e a sintonia com o torcedor santista.

Principalmente por 20 anos de sua vida inteiramente dedicados ao Santos Futebol Clube.

Sentiremos sua falta.

Descanse em paz.

Santos!

PS: A voz que narra as escalações na Vila Belmiro pertence a José Carlos de Oliveira, do "amigo torcedor", o qual já completou 61 anos de idade e segue firme e forte na cabine de som do estádio alvinegro.

PS 2: Relembre na reportagem do Globo Esporte quem era a tão importante figura de Paulo Roberto Gonçalves na Vila Belmiro: