Analisando o último amistoso antes do Palmeiras

Santos 4 x 0 Hortolândia

Em fase final de preparação para a volta do Campeonato Brasileiro, o Santos ontem enfrentou o Hortolândia em jogo-treino no CT Rei Pelé.

Entre pontapés de um lado, socos do outro e até uma rápida briga generalizada, o esquadrão alvinegro atuou bem e venceu o time do interior de São Paulo por 4 x 0.

Os gols santistas foram marcados por Geuvânio (duas vezes), Leandro Damião e Diego Cardoso.

Durante a partida, o Peixe mostrou-se superior durante os 90 minutos.

Os grandes destaques da partida?

Lucas Lima, mentor das duas jogadas que iniciaram dois gols alvinegros.

E Geuvânio, autor dos dois gols das jogadas iniciadas pelo meia-armador.

No primeiro tempo, Oswaldo de Oliveira escalou os prováveis titulares para o confronto contra o Palmeiras, em seu tradicional 4-2-3-1, da seguinte forma:

Santos x Palmeiras


No segundo tempo, entraram Vladimir, Zé Carlos, Vinicius Simon (Nailson), Paulo Ricardo e Emerson; Souza, Leandrinho e Serginho; Jorge Eduardo, Leandro Damião (Stéfano Yuri) e Diego Cardoso.

Com as mudanças, o Peixe seguiu superior, e ampliou com Diego Cardoso e Leandro Damião.

Diego Cardoso, diga-se de passagem, simplesmente marcou gols em TODOS os amistosos de pré-temporada disputados até aqui pelo Santos.

Um novo monstro que emerge da base santista!

Leandro Damião, por outro lado, está recuperado de lesão, e já voltou a treinar com o time, mas na reserva.

Em breve, porém, Damião promete dar grande dor de cabeça em Oswaldo, na disputa de posição com Gabigol (escrevi sobre isso no post "Damião ou Gabigol? O paradoxo de Oswaldo").