Aquecimento: Grêmio x Santos



Hoje tem jogo!

Hoje tem Santos em campo!

Sem vencer nenhuma das 5 partidas disputadas fora de casa depois da Copa do Mundo (marcando apenas 2 gols nesses jogos), e com um péssimo desempenho fora de casa (em 30 jogos fora de casa em 2014, o Peixe soma 17 derrotas, 7 empates e apenas 6 vitórias), o time de Oswaldo de Oliveira tentará a todo o custo reverter as estatísticas desfavoráveis.

Ainda mais considerando o fato de que o Grêmio vem de uma boa vitória em casa contra o Corinthians por 2 x 1.

Mas os deuses do futebol deram ao Santos a chance de se vingar do clube gaúcho, chance esta que não será desperdiçada.

Afinal, o tricolor gaúcho eliminou o alvinegro praiano da Copa do Brasil em 2013, após o Santos vencer a partida de ida (1 x 0) e perder a de volta (2 x 0).

Agora a história é diferente.

Em primeiro lugar, temos Robinho.

Em segundo lugar, temos a vantagem de jogar o jogo da volta em casa, quando a Vila Belmiro promete estar lotada para repetir a grande atuação na Copa do Brasil de 2010 e garantir a eliminação do Grêmio da competição.

Lembrando também que a bruxa está solta na Copa do Brasil!

Basta ver os resultados de ontem: Internacional perdeu em casa para o Bahia por 2 x 0, Botafogo perdeu em casa para o Ceará por 2 x 1, Palmeiras perdeu em casa para o Atletico/MG por 1 x 0, Corinthians perdeu para o Bragantino por 1 x 0, o Flamengo perdeu para o Coritiba por 3 x 0, o Atlético Paranaense perdeu para o América/RN por 3 x 0 e o Vasco empatou em casa com o ABC por 1 x 1.

Dito isso, vamos ao aquecimento!

O jogo. Será disputado hoje as 20h, na Arena Grêmio, em Porto Alegre/RS.

Time titular. Aranha, Edu Dracena, David Braz, Cicinho, Eugenio Mena, Alison, Arouca, Lucas Lima, Thiago Ribeiro, Robinho e Gabriel.

Reservas. Vladimir, Naílson, Victor Ferraz, Zé Carlos, Alan Santos, Souza, Rildo, Geuvânio, Patito Rodríguez, Leandro Damião e Stéfano Yuri.

Desfalques. Bruno Uvini (lesionado), Gustavo Henrique (lesionado), Jubal (lesionado), Vinicius Simon (lesionado), Renato (lesionado) e Neto (em negociação com o Fluminense).

Análise tática. Oswaldo de Oliveira prosseguirá utilizando o esquema 4-2-3-1, com os defensores jogando em linha, laterais que sobem alternadamente, um volante marcador e outro móvel, três meias - um pelo centro, outro pela esquerda e outro pela direita - e um centroavante que trocam constantemente de posição, para confundir a marcação.

Com isso, o Santos deverá entrar em campo hoje com:



Vai brilhar. Gabriel. No ano passado, o jovem atacante garantiu a vitória do Santos contra o Grêmio, na Vila Belmiro, por 1 x 0. Este ano não será diferente. Vai brilhar.

Pode surpreender. Robinho. Mesmo voltando de lesão, a qualidade técnica de Robinho pode surpreender o defensivo Grêmio do desprestigiado Felipão.

Está devendo. Leandro Damião. Após passar 45 minutos sem pegar na bola durante o clássico contra o São Paulo, iniciará o jogo na reserva. Perdeu sua vaga de centroavante para um menino de 17 anos. Está devendo.

Olho nele! Barcos. O centroavante gremista marcou 2 gols contra o Corinthians, na última rodada do Campeonato Brasileiro, e centroavantes costumam funcionar bem em times montados por Felipão. Olho nele!

Palavra do treinador. "Sinceramente, não estou preocupado com espírito, garra, mas, sim, com qualidade. Queria ter dois Robinhos, um Kaká, um Ganso, um Pato... Espírito todos eles têm, trabalham bem, são excelentes profissionais, fazem tudo o que mandamos, mas muitas vezes não conseguimos vencer. E não é por questão de espírito."

Dúvida pertinente. Conseguirá o leve ataque do Santos penetrar na forte defesa do Grêmio?

Palpite. Empate.

Comente!