Aquecimento: Sport x Santos

Aquecimento: Sport x Santos

Hoje, as 21h, o Santos enfrenta o Sport na Arena Pernambuco, para subir na tabela e afastar a sina de um time que "precisa aprender a vencer fora de casa".

A partida de hoje representa o primeiro grande desafio de Enderson Moreira, que terá a missão de, pela primeira vez no Campeonato, vencer fora de casa um time melhor colocado na tabela.

Missão a qual não se mostra tão impossível, considerando o fato do Sport viver má fase (perdeu os últimos 2 jogos fora de casa, contra Vitória e São Paulo).

Vencer partidas fora de casa, aliás, foi o principal motivo da demissão do técnico Oswaldo de Oliveira, que perdeu as 4 partidas fora de casa contra os 4 clubes mais bem colocados na tabela.

Para evitar novo resultado desvaforável, o técnico santista apresentou indícios de que fará algo pedido por muitos santistas na era Oswaldo de Oliveira: não atuar com 3 atacantes fora de casa.

Algo com o qual não concordo, mas a nova política de resultados sim.

Com isso, no treino de terça-feira, o treinador santista treinou a equipe deixando no banco de reservas o atacante Gabriel, que perdeu a vaga para o volante Alan Santos, o qual deverá formar a trinca de volantes alviengros do jogo de hoje, ao lado de Arouca e Souza.

A medida segue a política "Damião precisa ser titular de qualquer jeito", fazendo com que Gabriel renda menos atuando pelas pontas, e seja sacado do time.

Ainda que, comparando o futebol apresentado, fosse mais admissível a saída do time de Thiago Ribeiro, o qual não apresenta bom rendimento há alguns meses.

Até porque Gabriel, improvisado em uma das pontas, tem jogado mais bola que Thiago Ribeiro em sua posição original.

Gabriel que, apesar da decisão do técnico santista, já começa a despertar grande atenção da mídia internacional, a qual já o aponta, de forma absolutamente sensacionalista e irresponsável, como o "novo Neymar".

Assim, o Santos de Enderson Moreira deverá iniciar a partida de hoje em um 4-3-1-2, da seguinte forma:

Sport x Santos


No decorrer da partida, podemos esperar a entrada dos atacantes Rildo e Gabriel, que darão novo "gás" à equipe no segundo tempo, atormentando a defesa do Sport.

Robinho (Seleção Brasileira), Eugenio Mena (Seleção Chilena), Alison (Seleção Brasileira Sub-20), Gustavo Henrique, Jubal e Renato (lesionados) desfalcam a equipe.

O zagueiro Edu Dracena e o meio Lucas Lima estão pendurados, com 2 cartões amarelos, e se pegarem mais um desfalcarão o time no sábado contra o Coritiba, na Vila Belmiro.

Se o Santos vencer o Sport, tomará sua posição na tabela, terminando a rodada na 8ª posição, com 29 pontos.

Se empatar, o Peixe poderá cair novamente na tabela, finalizando a rodada na 11ª posição.

Se perder, poderá terminar a rodada na 13ª posição, dependendo dos resultados das outras equipes.

Se na boa vitória contra o Vitória no Pacaembu o time não atuou bem mas vibrou como nunca, podemos esperar, com 3 volantes, mais uma atuação mediana, mas com muita raça e determinação.

Contra o Sport, tem início um dos grandes desafios do técnico Enderson Moreira: fazer o Santos conquistar pontos fora de casa (abordamos esse assunto neste post).

Pontos que serão essenciais para um time que busca, no mínimo, a classificação para a Copa Libertadores da América em 2015.

Contra 3 equipes fáceis em sequência (Vitória, Sport e Coritiba), a tendência é que Enderson vá bem e seja erroneamente "santificado" por alguns torcedores santistas, que verão nisso o acerto da demissão de Oswaldo de Oliveira.

Mas não tenho dúvidas de que o ex-técnico santista se sairia bem nesses confrontos.

Mas o passado é passado, e o futuro veremos daqui a exatamente 8 horas!

Pra cima deles Santos!