Aquecimento: Corinthians x Santos

Corinthians x Santos

Hoje, as 19:30, o Santos vai à capital enfrentar o Corinthians com um único objetivo: honrar o manto alvinegro.

O time detentor do estádio do Itaquerão, por outro lado, buscará a vitória para ainda sonhar com a Libertadores.

O Santos, portanto, terá uma oportunidade dupla nesta noite: honrar a camisa e enterrar o sonho do maior rival.

Na 8ª posição, com 46 pontos ganhos, o alvinegro da Vila está praticamente (não ainda matematicamente) sem chances de buscar a vaga na competição continental.

Buscando a vitória contra os mandantes de Itaquera, Enderson Moreira não terá a importante presença do atacante Robinho, lesionado na última partida, contra o Cruzeiro.

Além de Robinho, desfalcam o Peixe o zagueiro David Braz e o atacante Thiago Ribeiro, ambos lesionados.

Com isso, abre-se novamente uma chance para Leandro Damião, provável titular neste domingo - deslocando Gabriel para a ponta, posição onde não rende bem.

Assim, Enderson deverá manter a equipe no 4-2-3-1, iniciando a partida com os seguintes atletas:

Corinthians x Santos


Edu Dracena, Cicinho, Mena, Vladimir, Neto, Jubal e Alan Santos estão pendurados, com 2 cartões amarelos, e se tomarem o terceiro ficarão de fora do confronto contra o Cruzeiro, domingo as 17h na Vila Belmiro, quando a doce vingança virá tardia...

O árbitro da partida será Vinicius Furlan, que tem por principais características marcar muitas faltas (média de 36,2 por jogo) e distribuir muitos cartões amarelos (6 por jogo).

Marcar pênaltis também é com ele: sua média é superior a 1 pênalti assinalado a cada 2 jogos apitados.

Info árbitros - Vinícius Furlan (Foto: Editoria de Arte)

Sem Robinho, nossas principais esperanças recaem sobre Lucas Lima, Gabriel e, por que não, Leandro Damião.

Este final de temporada será importante para que o técnico Enderson Moreira observe e avalie quais jogadores serão indispensáveis para a próxima temporada, e quais poderão (e deverão) ser dispensados.

Por não estarmos disputando mais nada, poderemos ver hoje, com clareza, quais jogadores estão verdadeiramente comprometidos em vestir o manto sagrado do alvinegro praiano.

Afinal, hoje todos jogam unicamente pela camisa.

E, claro, por seus empregos em 2015.

Vai pra cima deles Santos!!