Reforços para o Santos em 2015 - indicações



A busca por reforços começou no Santos!

No total, 6 jogadores foram indicados para o clube.

Quatro deles pelo técnico Enderson Moreira.

E dois deles pelo observador técnico do Peixe, Sandro Orlandelli.

Quem são os atletas indicados? (de acordo com esta reportagem do portal Lance!Net)

O goleiro Renan, de 29 anos, destaque há alguns anos no Goiás, e 5º goleiro que mais defendeu neste Campeonato Brasileiro, com 116 defesas, 14 a menos do que o arqueiro Marcelo Lomba, do Bahia, 1º colocado.

O zagueiro Jackson, de 24 anos, também do Goiás, avaliado pelo site Footstats em 3º lugar como o terceiro zagueiro que mais afastou bolas da área no Brasileiro.

O atacante Leandro, de 23 anos, da Chapecoense, aparece em 7º lugar na artilharia do campeonato, com 10 gols marcados, empatado com Diego Tardelli, do Atlético/MG e Erik, do Goiás (comparativamente, o atacante Gabriel marcou 8 gols no campeonato).

Um nome desconhecido, indicado para o meio de campo.

O meia Everton, de 25 anos, do Flamengo.

O atacante Guilherme, de 26 anos, do Atlético/MG, cujo contrato se encerrará no final do ano.

Os quatro primeiros nomes foram indicados pelo técnico Enderson Moreira, que trabalhou no Goiás entre 2011 e 2013.

Em adição, os dois últimos nomes foram indicações do observador técnico santista, Sandro Orlandelli.

Dos nomes analisados, acho interessante buscarmos a contratação do ótimo goleiro Renan, para disputar posição com o goleiro Aranha, já com 34 anos, e aguardar o crescimento do promissor goleiro da base Gabriel Gasparotto, campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2013.

Outra contratação interessante é a do atacante Leandro, um dos destaques solitários da Chapecoense, que muito por sua causa se manterá na série A no Brasileiro pela primeira vez em sua história.

Xodó da torcida flamenguista, o meia Everton também seria uma boa aposta para o Peixe, desde que sua contratação viesse a um custo baixo para o clube (não paguemos nele R$ 42 milhões).

Por outro lado, não sei avaliar o zagueiro Jackson, pois não acompanhei nenhum jogo dele e não vi suas atuações, mas sei que ele sofreu recentemente uma lesão seríssima e ficou parado por 6 meses, só voltará a jogar em janeiro do próximo ano.

Outro caso de jogador que sofre constantemente com lesões é o do atacante Guilherme, do Atlético/MG, que vive no departamento médico do clube.

Razões pelas quais eu, particularmente, fico com um pé atrás nas contratações de Jackson e Guilherme.

E você, torcedor santista, o que achou das primeiras especulações de reforços para o Santos em 2015?